Agorafobia

Agorafobia é um dos transtornos de ansiedade mais comuns. Muitas vezes se desenvolve após a ocorrência de alguns episódios de ataques de pânico.


Entre as evidências e sintomas mais comuns estão o medo e a reclusão, evitando determinados lugares ou situações que possam desencadear um novo episódio de ataque de pânico ou sensação de aprisionamento e até constrangimento.


Trata-se de um transtorno onde o indivíduo sente medo e evita lugares ou situações que possam causar pânico. Uma pessoa agorafóbica também pode evitar situações onde se sinta preso, desamparado ou envergonhado. Uma pessoa com agorafobia teme uma situação real ou antecipada, como usar o transporte público, estar em espaços abertos ou fechados, enfrentar uma fila ou estar no meio de uma multidão.


É comum que a pessoa sinta precisa de um companheiro, como um parente ou amigo, para ir a lugares públicos. O medo pode ser tão esmagador, que imobiliza. O medo excessivo faz com que a pessoa perceba-se incapaz de sair de sua casa.


O tratamento de agorafobia pode ser um desafio porque geralmente significa confrontar os medos.


Os sintomas típicos da agorafobia incluem medo de:

- Ficar sozinho em casa;

- Estar no meio de uma multidão ou esperar em uma fila;

- Frequentar espaços fechados, como cinemas, elevadores ou pequenas lojas;

- Estar em espaços abertos, como parques, estacionamentos, pontes ou shoppings;

- Usar o transporte público, como um ônibus, avião ou trem.


A psicoterapia envolve trabalhar com um psicólogo para estabelecer metas e aprender habilidades práticas para reduzir seus sintomas de ansiedade. A Terapia Cognitiva Comportamental é uma das abordagens mais eficazes de psicoterapia para transtornos de ansiedade, incluindo a agorafobia.


Geralmente, a terapia cognitivo-comportamental concentra-se em ensinar habilidades específicas para melhor tolerar a ansiedade, desafiar diretamente seus medos

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Transtorno de Ansiedade Generalizada (TAG)

A ansiedade é uma reação normal do ser humano diante de situações que podem provocar medo, dúvida ou expectativa. No entanto, quando esse sentimento persiste por longos períodos de tempo e passa a int